20 Anos de Igreja Betesda

Lições e Experiências da minha última Corrida.

Quando alguém prega, normalmente é algo vindo de Deus é um abrir de alma, de coração e de vida. Às vezes, nós pastores, nos tornamos mais conhecidos do que a maioria, e corremos o risco de não conhecer a todos, mas todos nos conhecem. Quando nos conhecem a fundo, veem que somos iguais a todos com os mesmos defeitos e, talvez, até mais, com as mesmas possibilidades de fracasso, e, mesmo assim, muitos esperam mais do que podemos dar, e esperam que sejamos mais do que somos.

O desejo do meu coração é que essa palavra abençoe sua vida, não apenas no culto, mas amanhã e no seu dia a dia.

Meu desejo não é preencher as expectativas de vocês, porque vocês são muitos, meu desejo é agradar a Deus, fazer sua vontade, ser servo de Cristo e ser encontrado FIEL.

I Co 4:1-2 Portanto, que todos nos considerem servos de Cristo e encarregados dos mistérios de Deus.

O que se requer desses encarregados é que sejam fiéis.

 

         Gostaria que me perdoassem desde já, minha intenção não é aparecer. Quero que a palavra da Bíblia, junto com algumas situações vividas por mim, pudesse abençoar sua vida.

Por isso eu quero falar sobre Lições e Experiências da minha Última Corrida.

Acredito que Corrida é a atividade que mais se assemelha com a vida Cristã.

Veja alguns textos na Bíblia que falam de Corrida:

Is 40:29-31- Ele fortalece o cansado e dá grande vigor ao que está sem forças. Até os jovens se cansam e ficam exaustos, e os moços tropeçam e caem; mas aqueles que esperam no Senhor renovam as suas forças. Voam alto como águias; correm e não ficam exaustos, andam e não se cansam.

Ec 9:11- Percebi ainda outra coisa debaixo do sol: Os velozes nem sempre vencem a corrida; os fortes nem sempre triunfam na guerra; os sábios nem sempre têm comida; os prudentes nem sempre são ricos; os instruídos nem sempre têm prestígio; pois o tempo e o acaso afetam a todos.

Atos 20:24 – Todavia, não me importo, nem considero a minha vida de valor algum para mim mesmo, se tão somente puder terminar a corrida e completar o ministério que o Senhor Jesus me confiou, de testemunhar do evangelho da graça de Deus.

2 Tm 4:7– Combati o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé.

Hb 12:1– Portanto, também nós, uma vez que estamos rodeados por tão grande nuvem de testemunhas, livremo-nos de tudo o que nos atrapalha e do pecado que nos envolve e corramos com perseverança a corrida que nos é proposta.

 

        A vida cristã é comparada na Bíblia a dois esportes, a corrida e a luta. Considerando o que faço como Esporte também é Correr quero olhar mas para a Corrida em 1 Coríntios capítulo 9:24-27 Paulo compara a vida cristã a uma corrida no estádio. Certamente, ele estava fazendo referência aos jogos olímpicos da Grécia Antiga. Por mais que se esforçassem e vencessem, os prêmios recebidos pelos atletas era apenas coroas feitas de folhas de oliveira por isso, ele diz que são coroas corruptíveis, e as comparam com as coroas desta vida.

 

I Co 9-24-Vocês não sabem que, de todos os que correm no estádio, apenas um ganha o prêmio? Corram de tal modo que alcancem o prêmio.

25- Todos os que competem nos jogos se submetem a um treinamento rigoroso, para obter uma coroa que logo perece; mas nós o fazemos para ganhar uma coroa que dura para sempre.

26- Sendo assim, não corro como quem corre sem alvo e não luto como quem esmurra o ar.

27- Mas esmurro o meu corpo e faço dele meu escravo, para que, depois de ter pregado aos outros, eu mesmo não venha a ser reprovado.               

 

* Particularidades:

Eu ainda não corri uma maratona, que são 42 km e 195 metros. Oficialmente corri muitas de 5 km, uma de 10km, uma de 15 km, e 3 meias maratonas, que são 21km e 97 metros.

 

As maratonas surgiram com um herói grego que, segundo a lenda, sacrificou sua vida (morreu) para percorrer os 42 Km entre as cidades de Maratona e Atenas (Grécia). O corredor que correu a distância para levar a notícia da vitória grega sobre os persas no ano 490 AC.

 

Existe na Bíblia, a mais antiga prova de maratona da história da humanidade.

I Samuel 4:12-13 – Naquele mesmo dia um benjamita correu da linha de batalha até Siló, com as roupas rasgadas e terra na cabeça.

13-Quando ele chegou, Eli estava sentado em sua cadeira, ao lado da estrada. Estava preocupado, pois em seu coração temia pela arca de Deus. O homem entrou na cidade, contou o que havia acontecido, e a cidade começou a gritar.

14-Eli ouviu os gritos e perguntou: “O que significa esse tumulto?” O homem correu para contar tudo a Eli.

17- O mensageiro respondeu: “Israel fugiu dos filisteus, e houve uma grande matança entre os soldados. Também os seus dois filhos, Hofni e Fineias, estão mortos, e a arca de Deus foi tomada”.

Naquele momento o Sacerdote Eli cai de uma cadeira quebra o pescoço e morre.

A esposa de  Fineias, filho de Eli que morreu nesta batalha, estava grávida quando recebe as notícias da arca roubada, da morte do esposo, cunhado e sogro. Ela dá à luz e coloca  o nome na criança de Icabode que significa: foi-se a Glória de Israel.

 

Muitos séculos mais tarde, em 1967 após a Guerra dos Seis Dias,  quando Israel, em 6 dias, vence 9 países árabes, um Judeu mediu a distância deste percurso e ficou surpreso ao descobrir que esse histórico caminho era o mesmo da maratona moderna, que é de 42km.

          Um queniano venceu a maratona de Berlim, em setembro de 2018 e quebrou o recorde mundial da prova ao cruzar a linha de chegada em 2 horas, 1 minuto e 39 segundos. Mas esse mesmo corredor em teste não oficial já correu em 2 horas e 24 segundos.

         Em 1908, nos Jogos Olímpicos de Londres, o percurso da maratona sofreu uma alteração. Para que a família real britânica pudesse assistir ao início da prova do jardim do Castelo de Windsor, o comitê organizador aferiu a distância total em 42.195 metros, que continua até hoje.

 

Lições que aprendi nesta última Corrida:

01) Sucessos anteriores não vão fazer que tenhamos sempre Sucesso.

Veja isso na Bíblia, na história de Israel.

Josué vence as difíceis e intransponíveis muralhas de Jericó e agora eles têm pela frente uma cidade muito pequena comparada à Jericó.

Israel, após a grande vitória contra a poderosa Jericó, no Capítulo 06 de Josué, pensa que nada pode os deter.

No capítulo seguinte foram derrotados de forma humilhante em uma pequena cidade, chamada Ai .

       Olhe para a Vida de Elias, em I Rs 18, vencendo os profetas de Baal no Monte Carmelo, 850 Profetas, mandando fogo descer do céu, e no capítulo seguinte estava fugindo de uma mulher.

I Rs 19:1-4 “Ora, Acabe contou a Jezabel tudo o que Elias tinha feito e como havia matado todos aqueles profetas à espada. Por isso Jezabel mandou um mensageiro a Elias para dizer-lhe: “Que os deuses me castiguem com todo o rigor, se amanhã nesta hora eu não fizer com a sua vida o que você fez com a deles”. Elias teve medo e fugiu para salvar a vida. Em Berseba de Judá ele deixou o seu servo e entrou no deserto, caminhando um dia. Chegou a um pé de giesta, sentou-se debaixo dele e orou, pedindo a morte: “Já tive o bastante, Senhor. Tira a minha vida; não sou melhor do que os meus antepassados”.

       O fracasso faz parte da vida. Ele é o preço que pagamos pelo progresso, por isso precisamos aprender a viver com os erros e olhar para o fracasso por um aspecto positivo. Precisamos ser fortes diante dos insucessos.

Salomão diz: “Se te mostras fraco no dia da angústia, a tua força é pequena” (Pv 24.10).

John Maxwell diz: “A diferença entre as pessoas medianas e os empreendedores é sua percepção e sua reação diante do fracasso”.

Paul J. Meyer confirma: “a vida é 10% daquilo que acontece comigo e 90% de como eu reajo a isto”.

      

Após a minha segunda meia maratona, em Brasília, fui correr uma corrida de 5 km e fui muito mal, porque julguei que depois de 21km, correr 5 km seria muito fácil, e não foi, quase desisti. Depois corri mais uma meia maratona me saí bem.

Daí pensei: essa terceira, no Rio, vai ser mamão com açúcar, porque tudo o que ouvia era que o percurso era fácil. Mas não me sai bem mesmo que tenha tido sucesso nas outras.

 

02) Precisamos sempre obedecer o que nos foi passado.

No caso da vida cristã, a Bíblia é nosso manual de conduta, nossa planilha de caminhada. Veja o que Deus diz a JOSUÉ: Js 1:7 “Somente seja forte e muito corajoso! Tenha o cuidado de obedecer a toda a lei que o meu servo Moisés ordenou a você; não se desvie dela, nem para a direita nem para a esquerda, para que você seja bem-sucedido por onde quer que andar.

Sl 1:2-3 “Ao contrário, sua satisfação está na lei do Senhor, e nessa lei medita dia e noite. É como árvore plantada à. beira de águas correntes: Dá fruto no tempo certo e suas folhas não murcham. Tudo o que ele faz prospera”!

      No meu caso, para essa última a corrida, eu recebi uma planilha muito boa, por sinal, e não obedeci, excedi aos treinos para a Corrida e na véspera da corrida eu me machuquei por não tê-la desobedecido.

 

03)Precisamos sempre de pessoas para irmos bem na nossa vida.

Pessoas são importantes para nos ajudar na corrida da vida, Ed Rene disse; “Pessoas precisam de Deus, mas pessoas de pessoas”.

Nós nos reunimos em uma Igreja não porque Deus precisa do nosso louvor e adoração em Conjunto, nós reunimos por causa das pessoas, o testemunho, a forma do outro sempre deve nos inspirar, e também os nossos problemas e os dos outros são acompanhados em comunidade.

Hb 10:25 “Não deixemos de reunir-nos como igreja, segundo o costume de alguns, mas procuremos encorajar-nos uns aos outros, ainda mais quando vocês veem que se aproxima o Dia”

Gl 6:2 “Levem os fardos pesados uns dos outros e, assim, cumpram a lei de Cristo”

       Aqui, enquanto treinava, a maioria das vezes, corria juntos com amigos que também se preparava para outras corridas e tinha um treinador que chama Emanoel. Lá no Rio de Janeiro eu estava sozinho, mesmo que estivesse correndo com 6.000 pessoas, eu olhava e não via ninguém conhecido.

 

04) Viva a vida sabendo que tem gente torcendo pela sua vitória.

Hb 12:1 “Portanto também nós, uma vez que estamos rodeados por tão grande nuvem de testemunhas, livremo-nos de tudo o que nos atrapalha e do pecado que nos envolve e corramos com perseverança a corrida que nos é proposta.”

Este texto está dizendo que tem muita gente torcendo para que terminemos bem nossa corrida espiritual, inclusive os personagens de Hebreus 11 da galeria do heróis da fé, mas há um muita gente na nossa comunidade, nossa igreja que querem nos ver seguindo enfrente mesmo que as coisas estejam difíceis.

      Quando eu lembrava das pessoas que estavam me aguardando na chegada eu me motivava, mesmo com dores para continuar. Do décimo quilômetro em diante, eu comecei a sentir as dores das contusões causadas pela  desobediência da planilha, eu comecei a sentir o desgaste com sol muito forte e tudo isso isso me levava a querer desistir.

Mas aí eu lembrava da Lilian, Meire, Ricardo, Selma, Paulo, Lindomar e Elza que estavam comigo e me aguardavam na chegada, eu lembrava dos meus filhos e outros que estavam torcendo por mim e isso me motivou a não parar.

 

05) Preparem-se para os próximos dias, mas saibam que situações inesperadas podem acontecer.

Davi ainda não é rei em Israel, é fugitivo de Saul e lidera um bando de foras da lei. Ele sai com os seus homens para ajudar um rei, e quando volta sua cidade foi invadida, queimada e suas mulheres e filhos levados cativos.

Essa história está em I Sm 30, uma situação inesperada, mas que Deus intervém em favor de Davi e restitui tudo o que lhe havia sido tirado.

Comigo, no Rio de Janeiro, houve várias situações inesperadas. O táxi que me levou para o local da largada errou o caminho; o sol estava muito forte; as subidas eram muito mais pesadas do eu imaginava, tornando o percurso mais difícil e as contusões, que achava que estava curadas, apareceram.

Mas, mesmo em meio a estas situações inesperadas, eu consegui concluir o percurso, mesmo que em mais tempo do que eu havia planejado foi o mais demorado das  três corridas e o mais cheio de situações inusitadas.

       O que eu gostaria com essa reflexão e comparação da minha corrida com a corrida da vida, é que não deixemos os sucessos subirem à nossa cabeça e lembrássemos sempre das palavras do Apóstolo Paulo, “Aquele que pensa estar em pé vigie para que não caia”, que tivéssemos sempre consciência de que precisamos obedecer o manual mais importante que é a Palavra de Deus, a Bíblia, nunca nos esquecendo que mesmo havendo gente complicada precisamos delas e elas vão servir como motivadores para seguirmos em frente. Assim devemos ser para os outros, e estarmos sempre preparados para situações inesperadas na vida.

O diferencial na nossa corrida da vida é termos Deus sempre presente, restaurando as nossas forças e renovando a nossa esperança.

Que Deus sempre seja louvado pela nossa forma de vivermos e corrermos a corrida da vida.

A Ele a Glória.

 

Betesda Anápolis - Igreja Betesda de Anápolis - Lugar da Misericórdia Divina
Rua D-18, Número 77 - Cidade Jardim
Anápolis - GO - Atrás do Posto Petrobras

contato@betesdaanapolis.com.br - 62 3311-1938

Agência Martins